sábado, 2 de junho de 2012


Fim do Sonho...



Hoje criei coragem para voltar ao blog e contar o que aconteceu comigo...
Toda a felicidade que eu tava sentindo acabou, perdi minhas forças, já não tenho mais vontade de nada.
Não quero sair, pq as pessoas não vão mais olhar minha barriga, pois ela não existe mais...
Não quero mais comer, pois não tenho mais um ser que dependa da minha alimentação...
Tenho vergonha das pessoas, pois o sentimento de culpa toma meu coração nesse momento...
Não me sinto mais mulher, me sinto um lixo, pois minha incapacidade de gerar minha filha até o final,acabou ocasionando o nascimento dela na 21ª semana e consequentemente, sua partida no mesmo dia.
Tenho medo, muito medo, tenho impressão que todo mundo agora vai se afastar de mim, pq eu não consegui trazer minha filha ao mundo com saúde.
Foram quatro anos e meio de agonia e decepção,até que em uma noite linda de fevereiro, mais precisamente dia 14, eu tivesse o tão sonhado positivo.
Estava tudo tão perfeito, tudo dando tão certo, não consigo entender nem aceitar esse acontecimento.
A gravidez estava tranquila, sem complicações, sem problemas, nada disso...
Dia 26/05/2012, depois de 3 dias internada , fazendo o possivel pra que minha filha não nascesse, pra que ela ficasse mais umas semanas no meu ventre, 3 dias e 3 noites de dor, medo, solidão,culpa, e lá no fundinho da alma, uma pequena porção de esperança...
As dores foram horriveis, mas nada que se compare ao sentimento de dor que tive no exato momento em que ela nasceu, mas essa dor, não foi fisica não, e sim uma dor enorme no coração, pois acabavam ali, as esperanças de que ela poderia sobreviver...
Hoje, dia 02/06/2012, exatamente uma semana após seu nascimento(e falecimento), meu coração não tem mais forças pra tentar entender isso...
Meu corpo tem sinais biologicos fortissimos de que eu deveria estar com um bebe nos braços, cólicas, sangramento, o leite saindo dos seios, a dieta que tenho que cumprir, me resguardar durante 40 dias...
Não consigo mais, só tenho vontade de chorar, tudo que vejo a minha volta são gravidas, felizes, ou mães com meninas lindas e seu novo mundo cor-de-rosa...
Isso ta acabando comigo, ta me matando aos poucos...
Devo desculpas a todos a minha volta, mais precisamente ao meu marido, minha mãe, minha sogra e meu sogro...
Espero um dia conseguir superar isso, mas minha filha estará sempre em meus pensamentos...
Desculpa minha filha, por falhar com você no seu pouquinho de vida...
Desculpa Deus, por não conseguir cumprir a missão que me destes...
Desculpa meu Amor, meu marido, por não conseguir trazer a este mundo o presente tão lindo que me destes...
Desculpa...
Desculpa...
Desculpa...
3

3 comentários:

A dor da perda...Ester e Julia minhas anjinhas. disse...

O minha amiga força sei que agora esta tudo recente eu também perdi uma anjinha dia 10/04/2012 e doi sei o que você esta sentindo conheço bem desça dor...Pois perdi duas bebês já, uma por infecção com 21 semanas e outra com 31 semanas por pré eclampsia,esta foi a ultima eu ja estava de 31 semanas minha amiga mais minha Ester se foi...Este mê esta mais dificil pois dia 11 eu a ganharia...sei que agora td lhe parece sem sentido,sem cor e você não tem força...Intendo suas palavras acima pois eu também tive meus seios cheios de leite fiquei 10 dias internada após a perda dela... meus seios empedraram...Pensava que para que dieta dieta se faz para um bebe não sentir cólica e a gente ser mãe de anjo minha amiga e ter braços e colo vazio olho todos os dias para as fotos dela...Sabe esta dor vai amenizar e quando você menos esperar sera uma saudade forte e intensa de alguém que não vai chegar... não vai ser facil minha amiga mais estou aqui para te ajudar nesta caminhada assim como eu tive ajuda também vou te ajudar beijinhos qualquer coisa estou no meu blog bjux...

Kathia Porto disse...

Flor não se sinta culpado é um fardo muito grande para carregar....Vc não teve culpa de nada... a missão de sua anjinha era somente viver esse tempo o suficiente para marca seu coração de amor ...a sua missão foi carregar e dar a vida a esse anjo de Deus...culpa amiga essa é difícil de lidar...nos sofremos muito com a perda e leva essa bagagem é como se auto flagelar...sou mãe de uma anjinha Lais q foi morar no céu com 40 semana de gestação por negligencia medica me senti muito culpada de escolher esse medico q me acompanhou durante o meu pre natal e levei um tempo com essa culpa...quando percebi q estava me destruindo q não tive culpa de nada que ela veio com outra missão q se fosse para nascer taria aqui comigo...consegui me livrar e me aproximar de Deus...sei que sua perda está recente posso imaginar o seu desespero repeito a sua dor pois ainda sinto ela...mas amiga livre se da culpa essa nos destrói como vc disse aos poucos...
Acredite amiga q Deus fez o melhor para nossas anjinhas...sei que isso não conforta o nosso coração mas tenta passar pelo seu luto não se destruindo.
Minha linda se sinta acolhida por mim...vc não está sozinha estamos juntas nessa caminhada espinhosa e estreita... acredito q não vai desistir do seu sonho de ser mãe pois Deus escolheu mulheres guerreira q acredita na vitoria e eu vou ver a sua benção em seus braços.
Tenho um blog lá conto minha historia toda Um anjo em minha vida.

anjolais.blogspot.com

Receba meu abraço.
Com carinho kathia

A dor da perda...Ester e Julia minhas anjinhas. disse...

Bom dia minha amiga,aliás quando ouvimos isto dizemos o que tem ele de bom não é, então te desejo um dia melhor... hoje passei aqui para te desejar força esperança não desanime, pois Deus por mais que nestas horas não o vejamos esta conosco, que a dor seja amenizada vou deixar um poema muito bonito para vc neste dia...



Deus olhando para a terra viu muitas mulheres que desejavam receber um anjo em sua vida e compadeceu-se delas... Enviou então vários anjinhos do céu. E disse: - Ide e alegrai estas mulheres na terra por algum tempo! Ao terminar esse tempo, voltem ao paraíso! Os anjos obedeceram com presteza e carinho a voz de Deus... e se empenharam nessa missão tão nobre e linda... Entretanto, um desses anjos se apaixonou por uma dessas mulheres ao dedicar-se à essa tarefa, descuidou-se e entregou-se de corpo e alma para aquela a quem deveria levar alegria e deu a essa mulher muito mais que Alegria... deu Amor de forma intensa e encantadora....tornando-a, a mulher mais feliz entre as mortais! Porém o prazo terminou e todos os anjinhos retornaram ao paraíso. E aquele anjinho apresentou-se com lágrimas à Deus e perguntou-lhe: - Porque o Senhor me trouxe de volta, se com isso iria fazer sofrer aquela mãezinha que tanto me amava. Eis que Deus respondeu-lhe: Ela sofrerá com certeza com lágrimas nos olhos e no coração a sua perda, mas com certeza terá aprendido para sempre a Força do Amor, da Humildade, da Compaixão, do amor ao próximo e saberá que Eu levei seu anjo, pois ele já tinha cumprido a sua missão na terra. Ela encontrará de novo a alegria de viver quando outro anjo habitar seu ventre. Consola-te anjinho mesmo não estando juntinho desta mãe! Pois teu amor viverá nela para sempre mesmo quando estiver amando outros filhos que virão, pois tu ensinaste o Amor eterno ... E essa era tua missão: "Fazer dela uma mulher especial escolhida entre muitas mulheres para ser Mãe de um Anjo!"

Postar um comentário